quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Guardem-se dos ídolos

Filhinhos, guardem-se dos ídolos.
1 João 5:21

"Filhinhos, guardem-se dos ídolos". I Jo 5.21

#Paz

          Há quase 2 meses terminei de ler um livro maravilhoso sobre louvor e adoração de Bob Kauflin. O livro na verdade é um material de estudo parar todos que amam esta área de serviço na igreja e posso garantir, o primeiro capítulo já vale o preço do livro.

Este é o livro!
          O mais incrível de tudo é que, ganhei o livro há um ano. Há um ano eu estava procurando muitas respostas em Deus e lembro como a caminhada com o Senhor não estava nada fácil. A capa não era interessante então fui deixando o livro de lado. Até que um dia não resisti e resolvi me atualizar, enfim, reciclar minha visão de adoração. Claro, eu não poderia me reciclar em tempo mais oportuno.

          De repente lembrei-me da música de Bob Fitts que que eu cantava direto quando era bem jovenzinha: "Lord I will bow to you". É uma música de entrega e reconhecimento do senhorio de Deus; que diante Dele devemos entregar nossos ídolos.

          Sim, quantos de nós adoramos alguma coisa que toma o lugar do nosso Deus em nossa vida. Pode ser um objeto, uma pessoa que admiramos muito e que é nossa referência enfim... enquanto eu lia aquele livro com meu coração aberto para Deus falar comigo, veio ao meu coração o que eu mais idolatrava e protegia: meu nome, minha competência, inteligência, minha reputação, um estilo de igreja e de adoração e tudo o mais que me fizesse confrontar alguém. Eu queria ser tão correta, "legal", que não queria ser desagradável com ninguém. Queria ser aceita mesmo que isto me custasse o silêncio de não falar o que estava vendo de errado. Não queria ninguém contra mim. Isso me preocupava mais do que adorar a Deus.

Capa do CD da Hillsong
"Let There Be Light" que retrata
esta mensagem
          Quando o Espírito Santo trouxe a luz o que estava encoberto, me lembro de estar em uma van indo almoçar... segurei minhas lágrimas ali  mesmo porque sabia que tudo aquilo era verdade. Ninguém sabia o que se passava no meu coração, exceto Deus.

          Nosso coração precisa ser exposto a luz da palavra. Em meu coração eu tinha proposto um começo diferente, melhor com Deus. Queria que o Senhor desse um novo rumo a minha vida e queria isso logo. Depois que essa revelação veio ao meu coração, fiquei chocada comigo mesma mas também grata a Deus. Sei que ele me ama e por isso me corrigiu. Como mulher de Deus, que ama adorá-lo, jamais poderia falar de adoração sem passar por este processo. Adoração requer rendição. Quando nos rendemos a Ele e aceitamos o que Ele nos mostra, adoramos a Ele. Se estamos sendo provamos e sabemos que Deus tem o controle, adoramos a Ele. Se reconhecemos que somos pecadores e que Ele morreu na cruz para pagar uma dívida que não era Dele e sim nossa, sim, adoramos a Ele.

          Fiquei muito feliz depois de ver como Deus continua agindo. Se pedirmos, ele mostra mesmo e nos cura porque fomos feitos para adorá-lo em espírito e em verdade.

 "O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia"
Provérbios 28.13

JS

Curtiu o Blog? Registre aqui!